Cordel de Cícero Bastos Melo

Cordel de Cícero Bastos Melo

Cicero Bastos Melo, conhecido como Cicero do Maranhão, nasceu em Caxias, Maranhão. Reside no Rio de Janeiro há mais de 50 anos. Contumaz frequentador (convidado), da Academia Brasileira de Literatura de Cordel (ABLC), já editou mais de vinte títulos de cordéis. Esta semana, para minha agradável surpresa, Cícero honrou este mundo cordel com a sua obra   Mote: “Há muito papo furado…
Saudoso Sertão – Dalinha Catunda

Saudoso Sertão – Dalinha Catunda

Do seu peito sertanejo Saiu um canto chorado Mais parecia um aboio Aquele canto rasgado Uma cantiga dolente Que na viola plangente Virava um triste recado. Meu amigo lhe conheço Seu nome é desilusão Já correu pelas campinas Montado em seu alazão Mas hoje o que lhe consola É dedilhar na viola A sua lamentação. A dor que bate em…