SETE ESTROFES SOBRE O SETE – Marcos Mairton

SETE ESTROFES SOBRE O SETE – Marcos Mairton

A redondilha maior

Tem SETE linhas rimadas,

Cada qual com SETE sílabas,

Em estrofes agrupadas.

O SETE está na poesia,

Como a luz está no dia,

E o frio nas madrugadas.

 

Nas lendas, o SETE surge

Em insólitas versões:

Dragões de SETE cabeças,

Reinos com SETE dragões,

Ou, numa história mais leve,

Ao fugir, Branca de Neve

Encontrou os SETE anões.

 

Se alguém jurar SETE vezes,

É melhor desconfiar,

Pois quem SETE vezes jura,

Nas SETE pode falhar.

Há erros que são banais,

Mas, pecados capitais,

São SETE, a nos condenar.

 

O gato tem SETE vidas

O arco-íris SETE cores

É sempre um belo presente,

Um buquê com SETE flores.

Quem viaja os SETE mares

Conhece muitos lugares,

E vive muitos amores.

 

SETE são as maravilhas

SETE as notas musicais

SETE os dias da semana

E as virtudes divinais.

SETE também são os céus

Destacam-se os SETE véus

Entre as danças sensuais.

 

SETE reinos se uniram

E formaram a Inglaterra,

O SETE nos acompanha

Até se a vida se encerra,

E o finado, no caixão,

É posto embaixo do chão,

A SETE palmos de terra.

 

O porquê de tantos SETES

A ciência não responde.

Isso tudo começou

Não se sabe quando ou onde.

Estas SETE estrofes dão

Uma pequena noção

Do que o SETE nos esconde.

 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *